Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

Sab | 17.11.18

A saúde

Medicinas Alternativas
 

Existe muito sofrimento no mundo de hoje. O "padrão de vida" está a subir ou a estagnar,  porém o "padrão de saúde" é o mais baixo de todos os tempos. Visite um hospital qualquer, em qualquer parte do mundo e veja a que "padrões" o Homem chegou.

Calamidades naturais aparte, muito do sofrimento de hoje origina-se no próprio homem.

 

O pobre sofre de doenças da "privação". Isto inclui nutrição deficiente, cegueira, disfunção dos órgãos e doenças causadas pela insalubridade das condições de vida, como disenteria, cólera, tifo, malária e icterícia.

Os ricos, de outro lado, sofrem de doenças da "abastança" ou "excesso". Isto inclui diabetes, reumatismo e artrite, pressão alta, problemas do coração (colesterol), falência renal, asma, osteoporose, depressão, problemas da pele, doença de Parkinson, problemas da próstata, cancro, acidez e úlceras, colites, espondilite, problemas da tiróide, enxaqueca, obesidade e seus problemas associados, esclerose múltipla, hemorróidas, sinusite, septicemia - esta lista não tem mais fim.

 

Havia um sistema, na antiga China, onde uma família só pagava ao médico no final do mês - mas e somente, se ninguém ficasse doente durante o mês. Se alguém ficasse, era dever do médico fazê-lo ficar bom. o médico de MTC-Medicina Tradicional Chinesa NÃO era pago naquele mês. E porquê? Porque não havia feito seu trabalho correctamente. Era trabalho do médico de MTC fazer medicina preventiva - guiar a alimentação da família e seus hábitos de maneira a manter boa saúde física e mental. Em outras palavras, o doutor de MTC tinha um real interesse em que NÃO CAÍSSEMOS DOENTES .

Hoje, nós invertemos o processo. Nós vamos ao médico e PAGAMOS a ele quando estamos DOENTES . Vamos ser honestos - a profissão médica não é responsável por isto - NÓS somos, e somente NÓS podemos mudar isto.

 

Quando as palavras "programas de saúde" são usadas, nós estamos programados para pensar em vacinas, inoculações, check-ups, testes, biópsias, exames da próstata, urina, sangue, ultra-som, etc. - de facto, a lista é infinita e quanto mais nos custa fazer estes testes, mais ficamos contentes por tanto estar sendo feito pela nossa "saúde"/doença! Não obstante tudo isto, as pessoas e as nações estão mais doentes, a cada dia que passa.

Enquanto todos os governos do planeta têm ministros da "saúde", serviços de "saúde", seguro "saúde" - a saúde é bastante manifesta pela sua ausência! O que temos, de facto, são ministros da "doença", serviço da "doença", seguro da "doença", Serviço Nacional de "Doença", Centros de "Doença" e assim por diante. Centenas de milhões de euros são gastos em "cuidados da saúde", anualmente, mais ostensivamente por países que estão na "vanguarda" da tecnologia médica. Ainda - a má doença, não a saúde, é a ordem do dia.

Porquê isto?

Porque, queridos irmãos e irmãs, saúde não pode ser comprada na farmácia. Ela não custa dinheiro - somente exige uma busca pelo bem-estar que não se deixe vencer. O caminho de coexistência harmoniosa e pacífica com a Mãe Natureza e todos as suas criaturas é a única via para o bem-estar.

Não é irónico? Nós primeiro gastamos dinheiro para adquirir uma doença ruim (através de uma indiscriminada indulgência) e, então, nós gastamos mais dinheiro e vastas quantias de recursos nacionais e pessoais a tentar ganhar novamente a nossa saúde.

Perceba que, nós estamos indo a médicos e hospitais e continuamos a atirar fora nosso dinheiro em alimentos convencionais errados e estilo de vida indulgente e indolente, o que só engorda nossa desgraça!

A escolha é SUA!

Texto adaptado de Bhagauan Sri Sathia Sai Baba

 

 

 

  • "Os vegetais constituem alimentação suficiente para o estômago e, no entanto, recheamo-lo de vidas valiosas".
  • "O Homem não morre, mata-se."
  • "Cada um se lança à vida, sofrendo da ânsia do futuro e do tédio do presente."
  • "A vida, se souberes viver, é longa."
  • "Devem ser evitados os tristes de que tudo se queixam."  De Lucius Annaeus Seneca que nasceu há mais de 2000 anos
Sab | 17.11.18

Cesariana para paises de 3. mundo?

Medicinas Alternativas
 

 A anestesia pode trazer complicações no bloco operatório, como sabemos, por vezes as complicações podem ser tão graves que terminam na morte do paciente. Efeitos secundários também existem e podem ficar sequelas durante muito tempo. Para além disso, há pessoas alérgicas à anestesia.

A acupunctura pode ser uma excelente ideia, a pessoa pode ser operada, mesmo que o doente esteja consciente. 

 

 Para se ter uma ideia mais concreta sobre a acupunctura e a cirurgia, neste caso cesariana, eis aqui um vídeo do ano 1978 onde mostra o procedimento com o prof. Anton Jayasurya.

 

 

Temas relacionados:

Cancro terminal: Doentes recuperam após praticarem Chi Cungue/Kung

MTC, Chi Cungue: Mulher curada de cancro da bexiga em menos de 3 minutos

Curas em hospitais com Chi Cungue/Kung

MTC: Chi, o que é isso ?

 

 
Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina
Sab | 17.11.18

Alimentos para azia e refluxo

Medicinas Alternativas
 

Existem vários tipos de azia/acidez:

 
- Azia/Acidez funcional – é aquela para a qual não se encontra causa específica.

 
- Azia/Acidez de origem alérgica – devido à sensibilidade do estômago em relação a determinados alimentos.

 
- Azia/Acidez devida a factores externos ao organismo – temos como exemplo a acidez secundária à ingestão de um fármaco/droga farmacêutica.

 
- Azia/Acidez de origem psíquica – muitas vezes, a acidez é uma consequência do stress ou depressão ou após emoção forte.

 
- Azia/Acidez orgânica – está associada a uma doença ou lesão do aparelho digestivo (é o caso da hérnia do hiato e esofagite).

 

Refluxo gastro-esofágico: 

Quando a azia é recorrente trata-se de um sintoma de esofagite, que normalmente é causada por refluxo gastro-esofágico. Este fenómeno acontece devido ao facto e a musculatura que separa o estômago do esófago não se encontrar a funcionar correctamente.

Os 9 alimentos que ajudam a prevenir a azia e refluxo!

 

Arroz Integral: 

Ao contrário da versão refinada, o arroz integral ajuda a prevenir a azia e refluxo, pois o alimento conta com a presença de carboidratos complexos, ou seja, aqueles que demoram mais para se transformar em glicose na corrente sanguínea. A grande quantidade de fibras que compõem o arroz integral proporciona uma maior sensação de saciedade com menor quantidade de alimento. Esse factor colabora, para se manter um peso saudável.

 

Aveia: 

Consumir uma porção de aveia logo pela manhã ajuda no combate a azia e refluxo. Isso porque a aveia não agride a mucosa do estômago e, prolonga a sensação de saciedade. Uma boa opção, poderá ser misturá-la com outros alimentos saudáveis, como a banana ou a maçã.

 

Beterraba: 

É rica em betalaína, que é um excelente antioxidante natural, auxiliando no bom funcionamento do intestino e promove a boa digestão ajudando assim a prevenir a azia e refluxo.


Boldo: 

O chá de boldo estimula a digestão, a secreção biliar e os distúrbios intestinais e disfunções hepáticas. Esse chá  combate a obstipação (prisão de ventre), distúrbios do fígado, os gases, a azia e refluxo e age na degradação de gorduras.

 

Cenoura:

A cenoura é um dos principais alimentos que ajudam a prevenir a azia e refluxo pois, é rica em vitamina A e vitamina C, este legume estimula a produção de células brancas, que melhora o sistema imunológico. Além disso, tais vitaminas possuem propriedades que combatem o envelhecimento não só da pele e do corpo, mas também das células cerebrais. Suas propriedades anti-inflamatórias ajudam o organismo a combater dores de cabeça, no corpo, no estômago e ainda auxiliam em outras maleitas causadas por inflamações, como a celulite.

 

Chia:
praticamente esta semente não tem contra-indicações, a não ser que a pessoa seja alérgica mas até agora parece não haver algum caso conhecido.

Rica em ómega 3, em cálcio, fibras, magnésio e proteína.

Para os adultos de um modo geral, esta semente ajuda a reduzir o colesterol e a prevenir enfermidades cardiovasculares,  problemas de obesidade, depressão, diabetes, aumenta a concentração, diminui a pressão arterial, melhora a saúde do intestino, diminui o refluxo gastro-esofágico e azia e, ajuda a perder peso de forma saudável.

 

Couve: 

É um dos alimentos mais utilizados em distúrbios estomacais, a sua ingestão ajuda a prevenir a azia e refluxo. Por meio de ações antioxidantes, que executam uma desintoxicação do organismo, a couve pode ser consumida em forma de saladas, sumos detox, guisados, refogados, etc.

Nesse legume a vitamina C e fibras assumem importante relevância, ajuda na limpeza do corpo, dá uma sensação de saciedade e ainda facilita o emagrecimento. Para que o estômago seja beneficiado com a couve, é preferível consumi-la crua.

 

Erva-Doce: 

Serena os nervos, elimina o mau hálito (halitose) e combate as cólicas intestinais. O chá de erva-doce é óptimo para ajudar a prevenir a azia e refluxo e pode ser consumido durante a gestação.

 

Gengibre: 

O gengibre é, tradicionalmente conhecido como um ingrediente com propriedades anti-inflamatórias, sendo usado há tempos na Medicina Tradicional Chinesa e na Aiurvédica para tratamentos de problemas gastrointestinais, ajudando assim a prevenir a azia e refluxo.

 

Hortelã: 

Utilizado sobretudo como tempero, a hortelã fortalece os órgãos digestivos e proporciona uma digestão eficaz, pois acciona o funcionamento das glândulas salivares. Seu chá é utilizado em casos de gripes e resfriados, adequado quando se tem dores de estômago e/ou má digestão.

 

Tratamento adicional

A azia e o refluxo podem ser aliviados através de:

- cuidados alimentares,

- reduzindo substancialmente o álcool, 

 

- diminuir o stress,

- comer vagarosamente, mastigando muito bem os alimentos,

- evitar os alimentos que provocam acidez (pode ser café, carnes, leite...),

- tabaco pode aumentar a acidez no estômago,

- alteração de certos hábitos de vida,

 

- diminuição de emoções negativas,

- ajuda relevante através de medicamentos naturais.

 

Temas relacionados:

A valiosa e barata couve; 9 benefícios

O chá matcha e seus benefícios

Para quem sofre de azia, gastrite e úlcera

Bicarbonato de sódio / soda, o remédio caseiro fabuloso das nossas avós

10 superalimentos

 
Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina