Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

Qui | 01.11.18

Bactérias cada vez mais resistentes ameaçam o planeta

Medicinas Alternativas

O gene que serve para assegurar a invulnerabilidade ao colistina foi descoberto na China, diz a revista " 刊物传染的疾病 ".

Imagem noticiaalternativa

 

Colistina é um antibiótico da classe de polimixinas que são usados em casos quando outros medicamentos já não são capazes de eliminar microrganismos perigosos. O gene descoberto se encontra em organismos de animais do sul da China e mais recentemente apareceu também em doenças humanas.

O problema é que este gene pode se deslocar de uma bactéria para a outra e reforçar a sua 
invulnerabilidade aos antibióticos. O gene foi descoberto pelo cientista chinês Yi-Yun Liu e pelos seus 
colegas da Universidade de Agronomia do Sul da China.
 

Agora este gene está espalhado pela parte meridional da China. Foi encontrado em 15 % das amostras da carne e em 21% dos animais cujo sangue foi examinado de 2011 a 2014. Também já faz parte da Escherchia coli, bem como em bactérias que causam pneumonia e em doenças do sistema imunitário.

Até tempos mais recentes, as bactérias Gram-negativas adquiriam resistentes aos antibióticos preservando a sua vulnerabilidade em relação aos polimixinas. Entretanto os fazendeiros chineses começaram estimular o crescimento de porcas e galinhas adicionando colistina na sua forragem.

O gene se fixou fortemente e agora mesmo a proibição de usar colistina na pecuária não mudará a situação. De momento não há uma solução para este problema.

Os antibióticos são cada vez menos eficazes no combate às bactérias, sendo um grave problema nos hospitais por todo o mundo, onde muitas vezes os doentes não morrem da doença que os levou a entrar no hospital mas sim devido às bactérias que proliferam nesses hospitais. 


Fontes:
传染的疾病
sputnik