Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

Sex | 09.11.18

Chá matcha

Medicinas Alternativas
 

Foram os budistas Saichō und Kūkai, que levaram estas sementes da China para o Japão no ano 805 D.C.! Por isso este chá era e é muito utilizado para a meditação!

Existem diversos tipos de chá que geralmente são relacionados ao emagrecimento. Um deles é o matcha, um chá verde, originário do Japão e que é encontrado na forma de pó.

Além de que o matcha emagrece, ele tem as suas propriedades relacionadas a outros efeitos positivos para o organismo, como a redução dos níveis de colesterol ruim (LDL), na prevenção contra o câncer e no aumento de energia.

Um dos motivos que nos leva a afirmar que o matcha emagrece é que, por se tratar de um chá verde, ele possui as catequinas em sua composição, substâncias que comprovadamente contribuem com a perda de peso.

Os pesquisadores constataram que homens saudáveis que consumiram a bebida durante treinos de intensidade moderada tiveram um aumento de 17% na taxa de queima de gordura.

 

Bebida de baixa caloria

Consumir o matcha no lugar de outras bebidas como capuccino e leite com chocolate pode auxiliar bastante na redução do número de calorias ingeridas durante o dia. Enquanto uma porção da bebida tem apenas 3 calorias, uma xícara de capuccino tem 74 calorias e uma chávena de leite desnatado com chocolate possui 140.

Por ter um efeito diurético, o chá matcha contribui com a diminuição da retenção de líquido no organismo, ajudando na perda do excesso e eliminando o inchaço em algumas regiões do corpo.


Estímulo ao metabolismo

o consumo do chá verde contribui para que o metabolismo seja estimulado e, por consequência, para que o processo de queima de gordura no corpo possa acontecer de maneira mais rápida.


Sensação de saciedade

Quando nos sentimos satisfeitos, é mais difícil que acabemos cedendo às tentações culinárias, e tomar o chá matcha pode contribuir nesse sentido. Isso acontece por conta do antioxidante EGCG (epigalocatequina) que estimula a liberação de um hormônio chamado de CCK (colecistocinina), que, por sua vez, é responsável por encaminhar ao cérebro a informação de que o estômago está cheio.

Isso também contribui para a regularização das taxas de açúcar no sangue no nosso organismo.


Outros benefícios

Já sabemos que o consumo do chá matcha emagrece, mas ele também estende os seus benefícios a outras áreas da saúde do organismo, como o combate ao câncer, por exemplo. O motivo para isso é que ele contém antioxidantes, como o EGCG (epigalocatequina), do grupo das catequinas, que funciona como um anticancerígeno.

Quem possui problemas relacionados ao colesterol também pode se beneficiar com o consumo do chá matcha. Os chás verdes contribuem de maneira significativa para a diminuição dos níveis do colesterol ruim (LDL) no organismo.

A bebida ainda possui quantidades cinco vezes maiores que outros tipos de chá verde de L-teanina, um aminoácido que estimula a atividade das ondas alfa no cérebro, que estão ligadas ao relaxamento, à concentração, ao alívio de estresse e até à diminuição da pressão arterial.

O chá ainda contém uma alta quantidade de fibras alimentares, que auxiliam no alívio da obstipação e a estabilizar os níveis de açúcar no sangue. Para os momentos em que uma pessoa precisa de energia e manter o foco e concentração, a bebida é uma ótima opção para substituir o café, que quando consumido excessivamente pode causar dor de cabeça.

Além disso, o uso do chá matcha também é ligado a outros benefícios como o antienvelhecimento, combate a inflamação e oxidação.

 

Não ultrapassar a dose recomendável
Apesar de ser considerada uma substância segura, é preciso tomar cuidado e não exagerar ultrapassando a recomendação de no máximo cinco chávenas por dia. Isso porque o consumo excessivo dos chás verdes pode causar alguns efeitos  como dores no estômago, azia, diarreia, dor de cabeça insónia e irritabilidade.

 

Como consumir

Uma das maneiras mais saudáveis de tomar o chá matcha é consumir a sua versão biológica, que não é produzida artificialmente e não tem a adição de complementos como fertilizantes, herbicidas como o cancerígeno glifosato ou pesticidas.

Como o chá é vendido na forma de pó, para prepará-lo é melhor ferver um pouco de água, esperar aproximadamente cinco minutos para que ela esfrie e então misturar com o matcha.

Caso você opte por acrescentar o chá na água enquanto ela ainda estiver a ferver, o gosto da bebida pode não ser muito agradável. Também é possível acrescentar o Matcha em pó em receitas preparadas à base de chá verde como gelados e sorvetes, bolos, biscoitos e bolachas.

 

Resumindo:

O chá matcha e seus benefícios na toma frequente,

1º Propriedades anticancerígenas

2º Favorece o metabolismo

3º Fornece energia

4º Favorece uma boa pele

5º Melhora a imunidade (sistema imunitário)

6º Baixa o Colesterol Total e beneficia o Bom Colesterol

7º Baixa os diabetes

E o pó matcha, quando associado a uma alimentação vegetariana e a exercício físico, favorece a perda de excesso de gordura abdominal em 400%.

 

Fontes:

gesundheute

matcha-tee

notícias naturais

https://as-medicinas-alternativas.blogs.sapo.pt/o-cha-matcha-e-seus-beneficios-135523