Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

As Medicinas Tradicionais

Saúde; Medicinas Alternativas; Medicinas Naturais

Qua | 07.11.18

Vacina: Dobro de mortes entre as crianças vacinadas em relação às não vacinadas

Medicinas Alternativas
 

A vacina triplíce contra a difteria, o tétano e tosse convulsa na Guiné-Bissau, em crianças nos seus 2 primeiros anos de vida, levou a um aumento dramático na taxa de mortalidade infantil para o dobro, em comparação com crianças não vacinadas, mesmo que as crianças vacinadas pertencessem em média às famílias mais ricas e melhor alimentados. As causas mais comuns de morte foram a malária, a diarreia e outras doenças infecciosas.

Isto relata o Dr. Steffen Rabe a 23 de Novembro de 2016.

Os cientistas escandinavos, realizaram o tal estudo financiado em parte pelo governo dinamarquês e os resultados são de facto alarmantes. O estudo, foi chefiado pelo Dr. Soren Wengel Mogensen.

Foram comparadas crianças vacinadas e não vacinadas de 15.000 famílias. 

"Todas as evidências disponíveis sugerem que a vacina DTT/DTP pode matar mais crianças do que salvar contra a difteria, tétano ou a tosse convulsa/coqueluche. " Essas palavras são como um balde de água gelada, para a Organização Mundial de Saúde (OMS), o CDC e outros agentes de saúde pública. 

 

Temas relacionados:

Cientista: A vacina contra VPH/HPV é uma fraude

As epidemias não desapareceram devido à vacinação

Vacinas: Demasiadas contêm o pesticida cancerígeno glifosato

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

Síndrome de Guillain-Barré

Presidente Putin: OGM e vacinas ameaçam a evolução da humanidade

EUA: 145.000 crianças morreram devido às vacinas

Vacina VPH: 3.000 japonesas metem governo e farmacêuticas em tribunal

Ciência/medicina/farmacêuticas: Não conseguem provar e andam a enganar-nos (vídeos)

Frutos e legumes biológicos funcionam como boas vacinas

Crianças morrem após vacinação

A farsa das vacinas/vacinação

Alerta: Programa Nacional de Vacinação 2017; Terrorismo de Estado ?

Infarmed: Pede atenção a eventuais reacções adversas à nova vacina

Vacina para HPV: Adolescente desmaia diariamente 8 vezes e tem narcolepsia

Vacinação: Lavagem cerebral

Mito: Vacinação garante imunidade

Epidemias, autismo e vacinas: A indústria farmacêutica fabrica e factura

Vacinação: H1N1 contamina os vacinados com SIDA/AIDS !

Estudo: O vírus Zika não é a causa da microcefalia mas sim vacinas

França: Suspendida vacina suspeita de causar doenças

O vírus do sarampo não existe?

Tribunal da Rep. Checa decide pela liberdade de os pais não vacinarem os filhos

Vacinas: Médicos indianos apresentam queixa-crime contra Bill Gates

Ainda acha que a indústria farmacêutica e as vacinas são benéficas ?!

Médicos e farmacêuticos: Estudos sobre as vacinas são medíocres

Afinal a vacina da gripe não protege o adulto !

"Gardasil®, vacina mortal?"

Os perigos da vacinação!

 

Fontes:

+ Dr. rer. nat. Inge Ziegler

+ Impfschaden

+ Impf-Info

+ das-gibts-doch-nicht.info

+ Naturheil Magazin

+ Dr. Martin Hirte

+ collectmyflock

+ parents.at/forum/archive/index.php/t-53583

+ Martin Hirte: Impfen – Pro & Contra, Droemersche Verlagsanstalt, München

+ Friedrich Hofmann: Impfen, Droemer/Knaur

+ Anita Petek-Dimmer: AEGIS Schweiz: „Geschichte der Impfungen“

+ F. und S. Delarue: „Impfungen der unglaubliche Irrtum“, Müller & Steinicke

+ Gerhard Buchwald: „Impfen – Das Geschäft mit der Angst“, EMU Verlag

+ Karl Krafeld & Stefan Lanka „Impfen – Völkermord im dritten Jahrtausend“, Klein-Klein-Verlag

+ Stefan Lanka & Veronika Widmer: „Alles über die Grippe, die Influenza und die Impfungen“

+ Claus Köhnlein & Torsten Engelbrecht: "Virus-Wahn", EMU

+ Lübecker Impfunglück/Andreas Jens Reuland: „Menschenversuche in der Weimarer Republik“

+ „Macht Impfen Sinn?“ Infoheft Juli 2005 vom Klein-Klein-Verlag

+ Arznei-telegramm: Monatsschrift mit kritischer Berichterstattung über Arzneimittel

+ Hans Tolzin: „impf-report“, impfkritische Monatszeitschrift, www.impf-report.de

+ Ines Kristensen, P. Aaby und H. Jensen, ,,Routine vaccinations and child survival: follow up study in Guinea Bissau, West Africa", BMJ 2000; 321:1435 (9. Dezember 2000)

+ Bundesministeriums für Bildung, Wissenschaft, Forschung und Technologie(BMBF): Forschungsinfo, Bonn, 07.08.1995 Nr. 24/95 (Ministério Federal da Alemanha para o ensino, ciência, investigação e tecnologia (BMBF): Informação de investigação, Bona, 1995/08/07 Nº24/95)

 

+ R Prymula et al. : Effect of prophylactic paracetamol administration at time of vaccination on febrile reactions and antibody responses in children: two open-label, randomised controlled trials. Lancet 2009; 374: 1339

 

https://as-medicinas-alternativas.blogs.sapo.pt/vacina-dobro-da-morte-de-criancas-202339